quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

Babado: Stephen Hawking recua e nega existir buraco negro

Fonte: http://oglobo.globo.com/ciencia/stephen-hawking-buracos-negros-nao-existem-11418903
Stephen Hawking, da Universidade de Cambridge, publica artigo online revisando teoria sobre 'horizonte de eventos' e causa barulho

Giovana Girardi - O Estado de S.Paulo


O físico inglês Stephen Hawking, da Universidade de Cambridge, que se tornou notório como um dos criadores da teoria moderna do buraco negro, está causando barulho na comunidade científica pela publicação de um artigo online, ainda sem revisão de outros cientistas, que declara sem cerimônias: "Não existem buracos negros".

 Um buraco negro é uma região do espaço da qual nada, nem mesmo objetos que se movam na velocidade da luz, podem escapar.

A declaração tenta colocar um ponto final em uma discussão que se arrasta há décadas e que, em última instância, está na base de um dos principais desafios da Física: unificar a Teoria da Relatividade (que explica o mundo macroscópico) com a Mecânica Quântica (que explica o mundo microscópico).

A ideia de buraco negro -- um objeto cosmológico resultante do colapso de uma estrela, cuja massa gigantesca (que pode ser milhões de vezes maior que o Sol) é condensada em um único ponto, com tamanha força gravitacional que suga tudo o que está a sua volta, até mesmo a luz -- vem do início do século 20.

Sua existência só pôde ser confirmada a partir da Teoria da Relatividade Geral, que Albert Einstein elaborou em 1915. Por décadas se imaginou que esse objeto apenas engolia outros objetos, mas não retornava nada para o espaço, o que contrariaria outras leis. 

Em 1974, Hawking propôs que no horizonte de eventos, uma espécie de fronteira do buraco negro, partículas escapariam como radiação, o que ficou conhecida como radiação Hawking. Assim, ele evaporaria lentamente até desaparecer.

Essa conclusão acabou encaixando o buraco negro dentro da segunda lei da Termodinâmica, que prevê que a entropia (desordem) de um sistema nunca podia diminuir. Se o buraco só engolisse sem devolver nada, a entropia do Universo estaria comprometida.


Daí, ele conclui que, nesse sentido, os buracos negros como propostos originalmente não existem. "A ausência de um horizonte de eventos significa que não existem buracos negros no sentido de sistemas dos quais a luz não pode escapar para o infinito", escreveu Hawking no artigo.

Em entrevista à Nature, explicou: "Não há escapatória para um buraco negro na teoria clássica". Entretanto, a Mecânica Quântica "permite que energia e informação escapem de um buraco negro". Para resolver definitivamente o problema, só unificando as teorias, diz. Só que o problema, lembra ele à revista, intriga os cientistas há quase um século. Assim, "a explicação correta permanece um mistério", reconhece.

segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Aos meus queridos alunos e seguidores que passaram no vestibular

"O ingresso às universidades é feito através da meritocracia." 

      Sendo assim, meus parabéns \o/ viva seus esforços!!!!   

Com carinho Profª Jackie

terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Saiba, o que exatamente é um doutorado?

Vale a pena conferir!

O texto abaixo, de autoria de Matt Might, é representativo de como às vezes uma imagem (ou um conjunto delas) vale mais que mil palavras. Apesar de bastante preciso, o autor consegue ir direto ao ponto, indicando uma das grandes riquezas de um curso de doutorado: a possibilidade de reconhecer as fronteiras do conhecimento e tentar superá-las. 
Matt Might -  Autor do texto

Todo ano eu explico para um novo grupo de pós-graduandos o que é um doutorado.Mas é difícil descrever em palavras. Então, eu uso figuras. Veja abaixo o guia ilustrado que eu utilizo para explicar exatamente o que é um doutorado. Imagine um círculo que contém todo o conhecimento humano:
Quando você completa o ensino básico, você sabe um pouco

Quando você completa o ensino médio, sabe um pouquinho mais
Com uma graduação, você sabe um pouco mais e ganha uma especialização
Um mestrado te aprofunda naquela especialização

Ler e estudar teses te leva cada vez mais em direção ao limite do conhecimento humano naquela área
Quando você chega lá, você se foca
Você tenta ultrapassar os limites por alguns anos
Até que um dia os limites cedem

Este pequeno calombinho de conhecimento que ultrapassou os limites é chamado de doutorado (Ph.D.)
Mas é claro que na sua visão de mundo fica diferente


Mas não esqueça da dimensão das coisas

É.....ainda falta muito....mas, não desista,





http://2.bp.blogspot.com/_orzCNvQazFc/TNCWbwQogcI/AAAAAAAAACI/2Cy0_Wu97Sg/s1600/happy-face_happyface_smiley_600x600.jpg
  Continue ultrapassando os limites.


Tradução: Blog Posgraduando (siteFacebookTwitter).







                                                        

sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Europa promete virada em 2014, mas o fantasma da crise ainda assusta.

               http://2.bp.blogspot.com/-zNkb0saD4Aw/TlarsFCFnlI/AAAAAAAAAPU/F0D4H_vOBEE/s1600/Crise%2Beuropeia.png
  Entretanto, você sabe por que, como e quando ela começou? 

Os problemas começaram em 2011, que foi marcado pela crise econômica na União Europeia (UE), e se espalhou por todo o mundo, derrubando índices das bolsas de valores e gerou um clima tenso e negativo em relação à economia mundial.

 Mas afinal, o que aconteceu? 

A principal causa foi o endividamento público elevado, especialmente na Grécia, Portugal, Espanha, Itália e Irlanda. Outro ponto que direcionou os países pertencentes à UE à crise, foi a falta de coordenação política para buscar resolver os problemas de dívidas públicas das nações do bloco.

Quais foram as consequências? 

Fuga de capitais de investidores, escassez de crédito, aumento do desemprego, revoltas populares por causa da redução de gastos, diminuição das notas dadas por agências de risco das nações e bancos dos países envolvidos, queda do PIB dos países da União Europeia e, principalmente, gerou crise em  países que não fazem parte da UE, inclusive o Brasil. De acordo com economistas, ela poderá causar recessão econômica em todo o mundo.  

Que medidas foram tomadas para enfrentar a crise?

Para enfrentar a crise algumas medidas foram tomadas, como a implementação de um pacote econômico anticrise, que foi lançado em 27/10/2011. O FMI (Fundo Monetário Internacional), juntamente com o Banco Central Europeu aumentaram suas participações nas nações que passam pela crise. Países como a Grécia, receberam ajuda financeira. Também foi definido um Pacto Fiscal, que foi ratificado em 2012, com o intuito de garantir o equilíbrio das contas públicas das nações da UE e criou um sistema para punir os países que desrespeitarem o mesmo. O Reino Unido, por sua vez, não aceitou o pacto, o que trouxe aumento na crise política do país. Estas ações estão sendo lideradas pela França e Alemanha.

Situação atual/ 2014

Entre os países avaliados, um dos destaques foi a revisão para cima do crescimento do Reino Unido, passando de 0,6% de previsão original em 2013 para um novo prognóstico de 1,3%. Para 2014, a economia britânica aumentaria em 2,2%.
A recessão na Grécia continuará. Mas será mais leve que nos últimos anos. Em 2013, o PIB do país sofrerá uma contração de 4%.
Já a Espanha sofrerá uma contração de 1,3% de seu PIB em 2013. Mas voltará a registrar uma expansão de sua economia em 2014 em 0,5%.

Líder do Fundo Europeu, Klaus Regling, estima que zona euro supere crise até 2014.
 O líder do Fundo Europeu de Estabilidade Financeira (FEEF), Klaus Regling, disse hoje que a zona euro vai superar a crise atual das dívidas soberanas até 2014.

    

A pergunta que teima em não calar... Será?

                      

Tire aqui suas dúvidas: Começa hoje matrícula da primeira chamada do Sisu

http://www.joycardteen.com.br/site/uploads/paginas/imagens/interna_duvidas_banner_duvidas_frequentes_5.jpg


Os estudantes selecionados na primeira chamada do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) podem fazer matrícula nas instituições de ensino a partir desta sexta-feira (17/01/2014). 

1.O candidato selecionado deve verificar junto à instituição de ensino em que foi aprovado:
 o local, horário e os procedimentos para a matrícula.

2.O Sisu seleciona estudantes com base nas notas obtidas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

3.O candidato selecionado na primeira opção de curso que não fizer a matrícula estará automaticamente fora do processo. O resultado da segunda chamada será divulgado no dia 27.

4.O estudante que não for selecionado em nenhuma das chamadas do Sisu ou for selecionado na segunda opção, independentemente de ter feito a matrícula, poderá participar da lista de espera.

5. A participação na lista de espera pode ocorrer apenas na primeira opção de vaga do candidato

6.A adesão deverá ser feita no site do Sisu, de 27 de janeiro a 7 de fevereiro.

7.Os estudantes serão convocados a partir do dia 11 de fevereiro.

8.A primeira edição do Sisu de 2014 registrou cerca de 2,5 milhões de inscritos.

9.Foram ofertadas 171.401 vagas em 4.723 cursos de 115 instituições públicas de educação superior.

10.O número de vagas é 31% maior do que o registrado na edição do primeiro semestre de 2013.

11.Os cursos mais procurados foram administração, direito, pedagogia e medicina.

12.A Região Norte teve a maior disputa por vagas no Sisu. A relação de candidatos por vaga foi 44,97. Já o Centro-Oeste registrou a menor concorrência: 21,71. O estado de Minas Gerais teve o maior número de inscrições (616.419). Entre as instituições, a Universidade Federal do Ceará liderou em número de inscrições (262.275).

quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

2014 - Brasil cogita nova contratação de médicos cubanos

http://s.portalodia.com/media/editor/p6ilu1377873554.jpg

Ohhh dó, rsrsrsrs

Mais de 6,6 mil profissionais foram recrutados em 2013, a maioria proveniente de Cuba. O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, afirmou que vai esperar até início de fevereiro/2014 para verificar a adesão de profissionais brasileiros e estrangeiros com diploma validado no Brasil à chamada individual para preenchimento das mais de 13 mil vagas existentes.

Profissionais que concluíram o Programa de Valorização do Profissional da Atenção Básica (Provab), um programa que direciona médicos brasileiros para áreas consideradas mais carentes, declararem se aceitam a migração para o Mais Médicos. Os postos remanescentes,  serão ocupados por profissionais da cooperação com governo de Cuba ou outra que possa surgir.

Lembrando que
Tal procedimento  gerou no ano passado revolta dos médicos brasileiros e estudantes de medicina, até mesmo o Conselho Federal de Medicina, alegando que não há falta de profissionais em nosso País, mas sim má distribuição deles pelas regiões do território nacional.
.
Portanto, vamos compartilhar o desenrolar deste assunto em 2014.


terça-feira, 7 de janeiro de 2014

Confira desde já Atualidades que podem cair nos vestibulares e ENEM de 2014 - Parte I

http://www.vicvicky.com.br/blog/wp-content/uploads/2013/05/internet-estudando-de-um-jeito-facil-vicevicky-2013.jpg
Curtindo e estudando! Por que não?
Os vestibulares sempre dão ênfase a temas atuais. É comum vestibulandos se depararem com questões que envolvem eventos que se destacaram no cenário nacional e internacional assim como os estudantes que realizam o ENEM. Isso é Fato!!!
A pergunta é: Quando devo começar a estudar?
A resposta é :  Sempreeeee ! 
Acrescente ao seu dia a dia  o hábito da leitura, mantenha-se informado, foi pensando em você  que eu criei este blog, aproveite, ele é todinho seu!

Estarei postando neste blog quase que diariamente as mais importantes notícias do Brasil e do mundo , seja um dos nossos e atualiza-se!
                                                                                                             Professora Jackie

                                          Parte I  

      Atualidade que podem cair no Enem e vestibulares 2014 

 1. Excesso de despesas da Copa de 2014 no Brasil 

No nosso pais, investimentos em educação, saúde, habitação e segurança são urgentes e necessários e reivindicados em movimentos populares no ano de 2013 em todo o Brasil. 

Os custos financiados pelo Governo Federal ultrapassaram 28 bilhões de reais em jun/2013, muito acima dos custos do mesmo evento realizado no Japão em 2002 e na Alemanha em 2006.

Segundo o Governo Federal, a realização da Copa,  deve gerar cerca de 3 bilhões de reais no país, e os valores financiados pelo governo serão "pagos" ( porém a longo prazo) pelas empresas concessionárias que assumirão a administração dos estádios e demais serviços depois da realização dos eventos.

O governo federal defende-se, alegando que grande parte do valor será aplicado  em melhorias, cujas obras ficarão como legado para a população em dozes cidades que servirão de sede para o evento.

2. A luta de Nelson Mandela na África do Sul
 
Em 05/dez/2013 morreu, aos 95 anos, Mandela o mais conhecido dos opositores ao apartheid (regime de segregação racial que vigorou oficialmente no país entre as décadas de 1940 e 1990) na África do Sul.  

Seu velório se estendeu até 15/dez, mobilizando a população sul-africana e chefes de governos de vários países. Incluindo a presidenta do Brasil, Dilma Rousseff, que em seu discurso, destacou o legado e a importância de Mandela para a luta pelos direitos humanos.

Nasceu em 1918, com o nome de Rolihlahla Mandela. Sua passagem por uma instituição de ensino cristã, o levou a adotar o nome de Nelson. 

Sua vida política se iniciou na década de 1940, após ter se tornado advogado. 

Em 1942 fundou a liga jovem do Congresso Nacional Africano (CNA), pretendendo organizar a juventude negra contra o regime do apartheid na África do Sul.

A luta inicial de Mandela e seus companheiros contra o apartheid baseou-se na atuação pacífica através da desobediência civil. Entretanto, a luta tomaria outro rumo  nos anos 60. 

Mandela foi preso em 1963, sendo condenado à prisão perpétua , em 1964. Passou 27 anos na prisão


Na década de 1990, o apartheid foi oficialmente extinto por pressões internacionais, levando Nelson Mandela à liberdade.

Sua atuação e do CNA foi essencial para garantir a unidade territorial da África do Sul. A ação de Mandela legou a ele o prêmio Nobel da Paz, em 1993.

Venceu as eleições presidenciais em 1994 até 1999.

Após sua saída do governo, Mandela passou a se dedicar à criação de uma milionária fundação que leva seu nome, atuando no auxílio a crianças e portadores do vírus HIV.


     Por hoje é só galera...Aguarde novas publicações!

Dez coisas que levei anos para aprender

Aprendendo e repassando!

Clima no mundo: Aqui derretemos, lá congelamos!

http://correiodobrasil.com.br/wp-content/uploads/2014/01/eua-nevasca1.jpg
Nevasca nos EUA

Norte dos EUA se prepara para mais neve e frio recorde

Autoridades pedem que as pessoas evitem sair de casa

Milhares de norte-americanos ficaram sem luz em casa e nos seus locais de trabalho. Também foram registrados acidentes de viação e internações por hipotermia. As baixas temperaturas provocaram a ruptura de canos, o que gerou inundações que forçaram a evacuação de lojas, teatros e hospitais de algumas zonas de Boston.
As autoridades norte-americanas têm concentrado esforços nas advertências à população para que se proteja diante da previsão de queda de temperatura.
ATENÇÃO: 
Esta segunda-feira e amanhã prometem ser os dois dias mais frios, em médios, no país das últimas duas décadas, de acordo com meteorologistas norte-americanos. Mínimas de até 50ºC abaixo de zero não são descartadas com valores de sensação térmica ainda menores. O NOAA adverte para condições ameaçadoras à vida humana e colocou uma área onde vivem cerca de 150 milhões de americanos sob alerta de frio excepcio.
        Enquanto isso... abaixo da linha do Equador...


Praia lotada, calor insuportável - Rio de Janeiro/Brasil

Brasileiros vivem dias de calor intenso

A sensação térmica na cidade do Rio de Janeiro chegou já aos 50 graus Celsius. O cálculo para obter a sensação térmica é feito com base numa equação matemática que leva em conta variantes como a temperatura, a umidade relativa do ar e a velocidade dos ventos O calor intenso provocou uma enchentes de pessoas nas praias da cidade.

segunda-feira, 6 de janeiro de 2014


Uruguai e Argentina
O calor intenso não tem dado trégua aos argentinos e aos uruguaios. Uma massa de ar muito quente e seca continua predominando sobre estes países causando temperaturas muito elevadas e níveis de umidade bastante baixos. O desconforto é grande, pois são muitas horas seguidas com calor extremo, com temperaturas acima dos 34°C a noite.